Proxxima
Meio & Mensagem

ProXXIma discute tudo que é falso e canalha no mundo digital.

Buscar

Blog do Pyr

Publicidade

ProXXIma discute tudo que é falso e canalha no mundo digital.

Assim, o ProXXIma espera estar contribuindo não só para a discussão do tema abertamente e não mais apenas nas mesas de bar, e também para o enfrentamento real e definitivo desse problema, que tem que sumir do mercado de uma vez por todas.

4 de maio de 2017 - 7h55

Deu. Como disse muito apropriadamente Randall Rothenberg, Presidente do IAB/US, “não dá  mais para aguentar essa merda!”. Não dá mesmo.

Estou falando do mundo digital enganar descaradamente os clientes/anunciantes inflando com tecnologia, robôs, dados falsos e falta de vergonha na cara os dados de audiência e todas as métricas de acompanhamento de desempenho das verbas aplicadas via compra automatizada de mídia, ou seja, parte do mundo programático e de performance.

Não é tudo, não são todos e a compra automatizada, feita por máquinas, é a mais avançada e produtiva engenhoca de vendas precisas e rentáveis criada pela publicidade para a mídia desde sempre. Ponto.

Só que por ser tecnologicamente complexa e por esse setor ter ainda (isso vai acabar em menos de cinco anos, escreve aí) um monte de layers e mais layers desnecessários e onerosos empilhados uns por cima dos outros no ecossistema, a indústria ad tech se vale de tudo isso, com a cumplicidade de algumas agências, para enganar os anunciantes e tunga-los indevidamente em seus investimentos de marketing.

O ProXXIma vai trazer isso ao palco em alguns de vários momentos do evento.

O que nós, da organização, criamos intencionalmente, fora o que deve aparecer espontaneamente em outras conversas, foi:

– Meu papo com a Poliana Souza, diretora de marketing da P&G, que abre o evento, vai passar pelo assunto. Marc Prichard, o head  mundial de marcas da companhia, hoje elevado ao importante posto de Presidente da associação nacional dos anunciantes dos EUA, tem sido a voz mais ativa e a que mais alto tem falado contra tudo isso. Ele e outros lideres do setor tem encabeçado uma cruzada contra essas práticas excusas e tem aproveitado também para colocar luz sobre a relação comercial e de remuneração dos anunciantes com todo o setor de agências de propaganda. Vou falar sobre tudo isso com a Poliana.

– Em seguida, na mesma manhã inicial do evento, vou falar sobre robôs e dados fakes com  o Fernando Tassinari, ceo da Criteo, empresa desse mundo ad tech, e em 10 minutos vamos fazer um ping-pong sobre o mesmo tema;

– Logo em seguida, Domingos Secco, sócio fundador da Alright Media, empresa de representação de companhias de tecnologia que opera no sul do País, um especialista no assunto, vai retomar pontos de artigo controverso e quente que escreveu no ProXXIma sobre o mesmo tema, colocando seus pontos de vista de porque isso ocorre, como ocorre e porque tem que mudar.

– em outros painéis de debates sobre a indústria o assunto deve brotar também aqui e ali.

Assim, o ProXXIma espera estar contribuindo não só para a discussão do tema abertamente e não mais apenas nas mesas de bar, e também para o enfrentamento real e definitivo desse problema, que tem que sumir do mercado de uma vez por todas.

Compartilhe

  • Temas

  • Ad tech

  • Métricas digitais

Publicidade