Meio & Mensagem

Startup brasileira cria primeira plataforma white label para influencers

Buscar

Notícias

Publicidade

Startup brasileira cria primeira plataforma white label para influencers

Além de conteúdo próprio, My Idol compila redes sociais do artista e oferece pontos que podem ser trocados por benefícios

ProXXIma
20 de março de 2017 - 7h45

Oferecer para o fã um aplicativo com todas as redes sociais do ídolo reunidas em um só lugar, conteúdo exclusivo e pontuação que pode ser trocada por benefícios. Já o artista não precisa gastar milhões para desenvolver seu aplicativo. Na realidade o artista não investe nada e tem custo zero. Essa é a premissa da plataforma My Idol Company, criada pelos publicitários Felipe Iacocca e Murilo Oliveira. A startup 100% brasileira surgiu a partir da tendência mundial em que grandes celebridades como Justin Bieber e Kim Kardashian lançam seus próprios aplicativos. Em menos de 1 ano a empresa já lançou os aplicativos da Banda Fly e da estrela teen Larissa Manoela, que juntos alcançaram 300 mil downloads após 3 meses do lançamento.

Tanto Felipe quanto Murilo são especialistas em Influencers Marketing e conteúdo de marca. Além do My Idol, eles são acionistas da holding que administra outras duas empresas, IWM Agency, agência especializada em planejamento estratégico e criação de campanhas através de influenciadores, e do sistema de Influencers Data & Market Place Hubble, este também uma Startup de tecnologia. “Hoje os artistas fornecem sua imagem, conteúdo, equipe e tempo para mais de 25 empresas e redes sociais, sem ter um modelo de receitas claro, sem poder customizar a experiência”, diz Felipe Iacocca. “Já o fã precisa acessar 25 sites, aplicativos e redes sociais diferentes como Facebook, Instagram e YouTube para se relacionar com o ídolo. Esta é a missão do MyIdol, sintetizar esta experiência tanto para o artista como para o fã em um único app de forma simples e inovadora”, completa.

Apesar de apresentar fácil usabilidade, cada aplicativo é desenvolvido de forma customizada. O app Larissa Manoela, por exemplo, oferece inúmeras funcionalidades inéditas no mundo de aplicativos de ídolos e celebridades como a TV da artista, streaming de shows ao vivo e chat de fãs com o artista, além de funcionar como um Ranking de Fãs, mostrando em tempo real os maiores fãs do seu ídolo.

Com investimento de mais de R$ 800.000,00, atualmente a My Idol é uma plataforma gratuita em que a monetização acontece a partir de anúncios mobile, venda exclusiva de Meet & Greet (em que além de comprar ingressos para shows o fã tem direito a conhecer o ídolo) e venda de projetos especiais de publicidade. “Até o final do primeiro semestre de 2017 implementaremos a Compra de Moedas que poderão ser trocadas por pontos e revertidos em prêmios como acesso ao camarim do artista, acesso ao chat com o artista, entrada gratuita no Meet & Greet, destaque no Ranking de Fãs, entre outros”, adianta Murilo Oliveira, CEO e Co-Founder. Com custo zero para o artista, 6% da receita é deduzido para ações de marketing do aplicativo do próprio artista.

Além de revolucionar a relação entre fãs e ídolos, os aplicativos dos ídolos teen lançados pela plataforma deixa os pais tranquilos ao se mostrar uma opção segura para jovens e crianças que gostam de consumir tudo que diz respeito ao ídolo. “Um dos pontos principais do My Idol é ter um Parental Control e monitoramento de mensagens que é customizada, pensada e direcionada para a necessidade do artista e suas fãs. Enquanto em redes sociais os artistas são mais um no oceano e qualquer um pode se apossar do seu nome e da sua imagem, no My Idol todo relacionamento junto aos fãs é pensado e controlado”, diz Murilo. “Quando falamos em crianças e jovens online, todo cuidado é pouco. Não só basta o controle dos pais, a plataforma tem que ter monitoramento interno. E isso conseguimos promover”.

Mídia e publicidade

Sem os algoritmos que diminuem em média 80% o alcance das publicações em redes sociais e com taxas de engajamento entre 10 e 20 vezes maiores, o MyIdol tem também como proposta ser uma atrativa plataforma de publicidade para marcas que querem ter relacionamento real com este público de fãs engajado, com zero dispersão, formatos especiais e principalmente possibilidades de big data e geoposicionamento proporcionado pelos dispositivos mobile.

O My Idol Company tem como objetivo, em 2017, lançar 14 aplicativos de grandes nomes da música e celebridades de outros segmentos, e também internacionalizar a plataforma com artistas internacionais. “No caso da Larissa Manoela, em pouquíssimos dias tivemos 250 mil downloads e conseguimos atingir usuários dos 5 continentes. Esta é a prova do potencial da artista conquistar outras fronteiras e seu app se tornar a curto prazo um aplicativo bilíngue”, diz Murilo Oliveira. Tanto o aplicativo da Fly quanto da Larissa Manoela estão disponíveis na App Store e Google Play.

Compartilhe

  • Temas

  • Felipe Iaocca

  • mURILO OLIVEIRA

  • IWM AGEN

Publicidade