Meio & Mensagem

Porque o Marketing Orgânico ganhará mais espaço no mercado

Buscar
Publicidade

Blog do Pyr

Porque o Marketing Orgânico ganhará mais espaço no mercado

Com o advento da redução de possibilidades no uso de cookies e as restrições de compliance ligadas à privacidade, construir suas próprias audiências passou a ser o grande desafio das empresas e marcas

31 de janeiro de 2022 - 12h34

A corrida do marketing por inteligência de dados

(Crédito: Tail/Shutterstock)

A Conductor, empresa de SEO e conteúdo, entrevistou mais de 350 especialistas em marketing e compartilhou os dados exclusivos de seu levantamento no recém-lançado estudo State of Organic Marketing em 2022. 

É claro que a Conductor tem interesse em falar bem desse mercado, porque é um player nele. Mas independentemente disso, os achados do estudo, pelo que observamos do andar da carruagem do último ano e também a partir das previsões que conseguimos fazer em cima do que temos a vista agora, apontam de fato para um crescimento inequívoco do Marketing Orgânico.

Marketing Orgânico se fundamenta em SEO e conteúdo para anabolizar resultados e menos em investimentos clássicos em mídia, seja ela qual for.

Com o advento da redução de possibilidades no uso de cookies e as restrições de compliance ligadas à privacidade, construir suas próprias audiências passou a ser o grande desafio das empresas e marcas. O Marketing Orgânico faz exatamente isso.

Alguns desses achados do levantamento são:

– Os esforços orgânicos internos geraram 12% mais tráfego no site do que os esforços totalmente terceirizados.

– 70% das organizações esperam ver algum tipo de aumento em seu orçamento de marketing orgânico em 2022.

– As 3 principais prioridades estratégicas para os líderes de marketing digital em 2022 são: publicidade digital, experiência do usuário do site e marketing de conteúdo.

– Construir uma colaboração mais eficaz entre SEOs e outros em uma organização é uma prioridade para líderes e profissionais de marketing digital em 2022.

– Organizações com níveis mais altos de maturidade orgânica foram mais resilientes em geral contra os efeitos do COVID-19.

O truque aqui é que não é preciso comprar espaços para aparecer na frente dos clientes em potencial. O SEO é uma pequena mágica digital de assertividade, que funciona respondendo aos anseios do consumidor e dos públicos em geral, e não impõe aquilo que ele não deseja, nem tem qualquer interesse.

Como revela a análise do estudo, normalmente, a pesquisa orgânica (SEO) fornece mais da metade de todo o tráfego rastreável do site. Os clientes clicam em uma taxa mais alta nos resultados orgânicos do que na mídia paga. Uma pesquisa orgânica relevante influencia 39% de todos os compradores.

Independentemente da pandemia, que obviamente influenciou no crescimento dos investimentos em marketing digital e orgânico, parte relevante das empresas e seus heads de marketing estão inclinados, tendencialmente, a aumentar seus investimentos em SEO agora. A lógica é que a jornada do consumidor começa e termina cada vez mais online e esses profissionais e suas marcas querem capturar alguns dos bilhões de pesquisas (buscas) que ocorrem todos os dias.

Publicidade

Compartilhe

Veja também