Proxxima
Meio & Mensagem

Mercado Livre atinge maioridade e não quer parar de crescer

Buscar

Notícias

Publicidade

Mercado Livre atinge maioridade e não quer parar de crescer

A cada segundo, seis vendas são realizadas na plataforma. É um dos *50 sites com mais page views do mundo, *oitavo site de e-commerce mais acessado do planeta (*ComScore Networks) e a plataforma de varejo líder em visitantes únicos em cada um dos 19 países onde atua.

31 de julho de 2017 - 6h50

Fazem 18 anos que, em Buenos Aires, nascia um marketplace pioneiro na região da América Latina, que se tornaria a maior operação de varejo eletrônico em seu gênero em todo o Continente. Com sua maioridade completada este ano, e comemorando também o primeiro aniversário em sua nova sede na cidade de São Paulo, chamada Melicidade (MELI é a sigla da companhia na Bolsa), o Mercado Livre, como o chamamos no Brasil, é hoje muito mais do que o que foi em seu lançamento.

Segundo levantamento da revista MIT Technology Review está entre as 25 empresas mais inteligentes do mundo que combinam tecnologia inovadora com um modelo de negócios efetivo. Uma combinação indiscutivelmente rara em empresas de varejo e tecnologia em qualquer lugar do mundo.

Recentemente, a companhia ingressou no índice Nasdaq 100 da Bolsa de Nova York, que inclui as principais empresas de tecnologia do mundo listadas na Wall Street, tornando-se a primeira companhia latino-americana a pertencer a esse seleto índice de ações.

Na Melicidade, onde foram investidos R$ 105 milhões e cujo projeto foi inspirado nas empresas de ponta do Vale do Silício, transitam hoje 1.400 funcionários, sendo que seguem sendo contratados cerca de 100 novos a cada mês. Segundo Stelleo Tolda, COO e co-fundador do Mercado Livre, “a Melicidade foi projetada com base em três objetivos: encantar talentos, aproximar parceiros e clientes e promover sustentabilidade”.

Os números e features da sede brasileira da empresa são, de fato surpreendentes. Veja alguns:

➔ Terreno de 33.000 m2, com 17.000 m2 de área construída;

➔ Áreas abertas totalizam 22.000 me possui um jardim com redes e uma quadra poliesportiva;

➔ Mezanino com 4.500 m2 de área de trabalho compartilhada;

➔ Estacionamento com 400 vagas;

➔ 2.000 placas solares, que geram a metade da energia distribuída no complexo;

➔ Restaurante com capacidade para servir 450 pessoas ao mesmo tempo;

➔ Auditório com capacidade para 200 pessoas;

➔ 11 salas de treinamento, com capacidade para mais de 200 pessoas. Entre elas 4 salas de idiomas;

➔ 140 salas de reunião.

➔A área de esporte e lazer, chamada de Meli Mall, tem academia (Bio Ritmo), salão de jogos, salão de beleza, atendimento nutricional e massagem.


O mercadolivre.com é o maior e mais completo marketplace da América Latina, com 182 milhões de usuários e mais de 9,4 milhões de vendedores, incluindo grandes marcas. A cada segundo, seis vendas são realizadas na plataforma. É um dos *50 sites com mais page views do mundo, *oitavo site de e-commerce mais acessado do planeta (*ComScore Networks) e a plataforma de varejo líder em visitantes únicos em cada um dos 19 países onde atua. Ao todo, são mais de 80 milhões de ofertas em tempo real, distribuídas em 2.800 categorias e subcategorias de produtos.

Para oferecer a melhor experiência a compradores e vendedores, a empresa conta com sete áreas de negócios: o Marketplace mercadolivre.com, Mercado Pago, Mercado Livre Classificados, Mercado Shops, Mercado Livre Publicidade, Mercado Envios e Mercado Backoffice (sistema ERP).

Para os investidores, os números da maioridade da operação parecem saudáveis. No primeiro trimestre de 2017, o volume de itens vendidos chegou a 53,2 milhões, 38,6% a mais que o ano anterior. Por sua vez, a quantidade de anúncios publicados aumentou 58% no trimestre, chegando a 85 milhões. A receita líquida no período foi de US$ 273,9, alta de 73,8%. No Brasil, a receita foi de US$ 77,5 milhões. Em 2016, a receita do Mercado Livre chegou a US$ 844,3 milhões, alta de 28,2%.  O lucro de US$ 136,3 milhões representou um aumento de 28,8%. E o Brasil representa, pelo menos, metade desse volume.

Com esse volume gigante de gente entrando e saindo da plataforma todos os dias, Mercado Livre tornou-se também uma relevante operação de mídia para agências e anunciantes, área que vem igualmente crescendo ano após ano.

Não é sempre, aliás é bem raro, que nos deparamos com uma operação de varejo desse porte surgida em nosso Continente. Por isso, Mercado Livre merece nossa atenção em seus 18 anos de vida. Uma inspiração para todas as empresas latinas não só de comércio eletrônico, mas digitais de maneira geral.

Temos aqui que tirar o chapéu e reverenciar los hermanitos. Feliz cumple años Mercado Livre!

 

 

Compartilhe

  • Temas

  • STELLEO TOLDA

  • mercado livre

  • comércio eletrônico

Publicidade