Proxxima
Meio & Mensagem

Blasting News fecha parceria com Integral Ad Science (IAS) para reforçar brand safety aos anunciantes no Brasil

Buscar

Notícias

Publicidade

Blasting News fecha parceria com Integral Ad Science (IAS) para reforçar brand safety aos anunciantes no Brasil

A IAS é uma empresa global de mensuração e análise de dados que desenvolve soluções de verificação, otimização e mapeamento para proporcionar ao setor publicitário investimento com Brand Safety

ProXXIma
7 de novembro de 2017 - 11h07

Com o objetivo de oferecer publicidade em conteúdo 100% seguro, a Blasting News, plataforma de jornalismo social que conta com escritórios em Nova York, São Paulo, Milão, Roma e Hong Kong, além da sede em Londres -firma parceria com a Integral Ad Science.

A IAS é uma empresa global de mensuração e análise de dados que desenvolve soluções de verificação, otimização e mapeamento para proporcionar ao setor publicitário investimento com Brand Safety e amplo alcance aos consumidores, contemplando todos os canais e dispositivos.

Trata-se de uma metodologia baseada em algorítimo proprietário, que contribui para evitar exposição de campanhas  publicitárias em conteúdo de má qualidade. Resultado do acordo, nos próximos dias, agências e anunciantes terão acesso a um recurso especial para filtrar palavras-chave nas publicações da maior plataforma de jornalismo social e colaborativo do Brasil.  Dessa forma, Blasting News tem como intuito oferecer aos seus anunciantes garantia de segurança da marca, por meio de um padrão global de mensuração e análise.

O conteúdo da Blasting News é produzido de forma colaborativa por qualquer cidadão, configurando-se no modelo mais democrático de compartilhar notícias. Seus redatores freelancers, intitulados Blasters, contam com a curadoria de outros colaboradores, que revisam o conteúdo sob um sistema anti-plágio que evita fraude.

Esse modelo será reforçado com a tecnologia de Brand Safety da IAS, rastreando o conteúdo da Blasting News, em tempo real, para identificar o nível de risco que cada notícia pode representar para o  anunciante, classificando-a em quatro categorias de risco: muito baixo, baixo, médio e alto. Essa tecnologia está sendo integrada a todo o seu conteúdo, ou seja, mais de 30 mil artigos, que são publicados no site todos os meses, e que serão submetidos às verificações detalhadas para alcançar o  alto nível de exigência dos anunciantes.

“Toda vez que a IAS identificar um conteúdo de risco médio ou alto risco, deixaremos de exibir publicidade nesse espaço”, destaca Andrea Manfredi, CEO global da Blasting News.  “Nós percebemos que , muitas vezes, os conteúdos podem ser muito interessantes para o nosso leitores, mas, ao mesmo tempo, inseguros para algumas marcas. Um exemplo típico é o relato de uma história em torno de um terremoto: considerando uma perspectiva jornalística, você quer cobrir isso, mas é improvável que alguma marca queira ser associada a um terremoto. É por isso que relataremos esse tipo de história, mas não exibiremos publicidade nesses casos, se as marcas não quiserem”,  explica Manfredi.

Graças ao resultado dessa parceria, a Blasting News usará a tecnologia da IAS para oferecer campanhas com alto nível de qualidade, mais seguras e mais alinhadas com as expectativas dos anunciantes. “Manter as marcas seguras é uma prioridade para nós”, ratifica Andrea Manfredi. “Continuaremos a testar a nossa plataforma e os algoritmos para garantir que as marcas possam anunciar em um ambiente totalmente seguro”.

Segundo Paul Astbury, diretor de desenvolvimento de negócios e soluções para Publisher da Integral Ad Science,  a união das duas companhias proporciona aos clientes da Blasting News a garantia de segurança e reputação protegidas por padrões globais. “Estamos entusiasmados nessa associação à Blasting News para garanti brand safety em seu conteúdo“, disse.

 

Compartilhe

Publicidade