Proxxima
Meio & Mensagem

Gastos com publicidade de instalação de apps chegarão a US$118 bi em 2022 

Buscar

Notícias

Publicidade

Gastos com publicidade de instalação de apps chegarão a US$118 bi em 2022 

Na América Latina, apesar da queda no crescimento de novos usuários de smartphones, os gastos com instalação de apps serão de 7 bilhões de dólares em 2022

ProXXIma
13 de fevereiro de 2020 - 10h01

A projeção anual da AppsFlyer sobre gastos com anúncios de instalação de apps continua apontando crescimento em todo o mundo, com um salto de US$57,8 bi em 2019 para US$118 bi em 2022. As pessoas são cada vez mais conectadas e os aplicativos apostam mais em campanhas pagas para atrair usuários, já que o ambiente nas lojas de aplicativos é hiper-competitivo.

 

Quase 60% dos downloads de apps com investimento de marketing em 2019 foram conquistados por campanhas publicitárias – um aumento de 15% comparado a 2018 e quase 30% desde 2017. Ou seja, instalação de apps estão conquistando com mais força o ecossistema do mobile marketing como um todo: verbas para instalação estão crescendo mais do que as direcionadas para search e branding. 

 

Brasil

O país representa mais da metade dos investimentos em instalação de apps em toda a América Latina em 2019: US$1,8 bilhões. Mesmo com queda no aumento de usuários de smartphones (apenas 8% até 2022).

Para Latam, os gastos com publicidade para downloads de apps na América Latina vão triplicar, alcançando US$7 bilhões em 2022.

 

Por que o investimento em instalações de apps está crescendo?

 

Experiência Native apps: Um native app é desenvolvido em códigos bem mais avançados e que oferecem ótima experiência aos usuários, criando mais confiança.

 

O fim da descoberta orgânica de apps: as chances de um app qualquer ser descoberto espontaneamente na loja é quase inexistente. É necessário investimento de marketing para garantir a demanda.

 

Confiança nos dados: campanhas por dados são cada vez mais eficazes e os marketeiros confiam no sistema.

 

Explosão dos games: apps de games foram responsáveis por 40% do total investido em anúncio de instalação em 2019 (aumento de 30% desde 2017). O 5G vai propulsar os games ainda mais.

 

Competição e pressão de performance: apps competem pelos mesmos pares de olhos, o que aumenta o custo da mídia também, aumentando portanto o gasto. Enquanto isso, os desenvolvedores estão pressionados a apresentar crescimento de usuários.

 

Proteção anti-fraude: com campanhas pagas e o controle da fraude cada vez maior, o marketing de apps se sente mais confiante em investir.

 

Rentabilidade para apps: os usuários pagos dentro de apps cai cada vez mais, então os apps se tornam canais de publicidade para outros apps, garantindo receita e possibilitando investimento em anúncio, girando a roda da fortuna in-app.

 

Compartilhe

  • Temas

  • AppsFlyer

  • Apps

  • aplicativos

  • publicidade em aplicativos

Publicidade